O futuro dos smartphones – Visita à Qualcomm

25 de setembro de 2017

A FIAP está no Vale do Silício para conhecer as principais empresas de tecnologia, além de visitar importantes polos geradores de conhecimento, como a Universidade Stanford. A primeira visita foi na Qualcomm, produtora de diversos componentes dos nossos celulares. Antenas, processadores, módulos e soluções IoT nascem nesta empresa.

A evolução da tecnologia dos celulares

John Han, VP de transferência tecnológica da Qualcomm, falou sobre os ciclos de desenvolvimento tecnológico dos sistemas digitais que estão nos celulares. Ele apresentou a evolução cronológica:

– Em 1980, os celulares possuíam suporte analógico e somente voz;

-Em 1990, suporte digital, com tecnologia 2G e somente voz;

-Em 2000, suporte digital, com tecnologia 3G, voz e acesso à banda larga móvel;

-Em 2010, suporte digital, com tecnologia 4G, voz e acesso rápido à internet;

– Para 2020, previsão para suporte à tecnologia 5G.

“Com o 5G, será possível baixar um filme em poucos segundos. A tecnologia também vai auxiliar em questões ainda maiores: um médico poderá operar à distância, carros conversarão entre si para evitar acidentes e teremos uma nova gama de aplicações”, explica John Han.

A inovação na Qualcomm

Jason Kenagy, VP de proteção intelectual da Qualcomm, apresentou algumas das 130 mil patentes que eles possuem. Como a tecnologia LTE (4G), que foi uma das grandes mudanças na indústria mobile.

Na Qualcomm, a cultura de invenção é estimulada sempre. Na entrada da empresa, fica a “Patent Wall”, com algumas das 130 mil patentes da empresa. Todos os funcionários que conseguem uma patente são reconhecidos pela empresa.

O investimento na América Latina

A Qualcomm Ventures, área de investimento em startups da Qualcomm, também tem uma presença muito importante no Brasil. As áreas de interesse de investimento são: AgTech, Smart Cities, IoT e SaaS. Já existe investimento nas empresas: 99, Mandaê, Infresse, Strider, IguanaFTX, WebRadar, Loggi, Memed, Quinto Andar, RetailNext, ClearMotion, CloudFlare, ClariFai, Doctor.

As preferências dos consumidores

Como serão nossos próximos celulares? No mundo, 26% dos consumidores planejam a troca de seu smartphone, enquanto no Brasil 35% desejam realizar a troca. Os usuários latino-americanos priorizam:

– WiFi – 70%

– Duração da bateria em horas – 65%

– Carga rápida – 60%

– Conectividade 4G – 57%

– Memória RAM – 55%

– Capacidade da bateria (mAh) – 52%

– Resolução – 51%

– Tamanho da tela e qualidade – 50%

– Câmera – 49%

– GPS – 48%

– Câmera 360º – 48%

– Segurança – 48%

– Câmera 3D – 48%

Estas tecnologias serão prioridade no desenvolvimento dos próximos celulares. O suporte à realidade virtual influencia 1 em cada 5 usuários de smartphones na decisão de sua próxima compra.

– 22% na Ásia

– 21% na América Latina

– 20% na América do Norte

– 20% na África

– 11% na Europa

A segurança foi o último grande investimento em relação a smartphones. Foram desenvolvidos identificação por íris, autenticação facial e identificação por digital. No momento, o foco está na interação do usuário a partir de inteligência artificial, voz e gesto.

21764721_216677195534853_1445038909838334854_n