CPTM desafia alunos da FIAP ON

30 de setembro de 2020
Compartilhe

Em 24 de setembro, a CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – lançou um desafio real aos alunos do 3º ano do curso de Sistemas de Informação da FIAP ON: desenvolver um sistema de monitoramento das estações (e seu entorno) via drone. O evento on-line iniciou com a apresentação da empresa feita pelo presidente da CPTM, Pedro Moro, impactando a todos os presentes com a modernidade e a inovação tecnológica características da empresa de trens metropolitanos de São Paulo – incluindo um dos mais modernos centros de controle operacional do mundo.

Em seguida, o diretor de operações da CPTM, Luiz Eduardo Argenton, apresentou toda a estrutura organizacional da Diretoria de Operações e Manutenção com suas respectivas atribuições.

O desafio “Um olhar do alto sobre as estações” foi apresentado pelos assessores Rodrigo Sartoratto de Alencar e Sara de Sá Fernandes. “No início de 2020, a CPTM adquiriu um dos melhores drones do mercado para monitorar as estações por meio de imagens e dados”, informou Sartoratto. “O desafio de vocês será a entrega de um protótipo funcional de um sistema de monitoramento e apoio à tomada de decisão” complementou Sara.

Os alunos ficaram empolgados com a possibilidade de trabalhar projetos utilizando drones e queriam sanar diversas dúvidas já no lançamento do desafio. Nilton Pizzo, especialista técnico da CPTM, esclareceu algumas delas. A professora Patrícia Gallo, coordenadora acadêmica do curso de Sistemas de Informação da FIAP ON, informou que haverá uma live sobre todas as funcionalidades do drone em 8 de outubro, sob a coordenação de Glen Luiz Ferreira, da FIAP.

Os estudantes terão cerca de dois meses para trabalhar no desafio, em grupos de dois até cinco componentes, devendo apresentar seus protótipos em 26 de novembro. O anúncio das equipes vencedoras ocorrerá em 28 de novembro, em um evento on-line – o 2º Encontro Digital da FIAP ON. “Esta parceria com a FIAP vai ao encontro deste valor da CPTM: foco na inovação e empreendedorismo” finalizou Pedro Moro, presidente da CPTM.

Por: Leda Arashiro