Lançamento do Startup One da graduação (FIAP On)

6 de abril de 2019
Compartilhe

Evento contou com aproximadamente 60 alunos, que puderam entender como funciona o Startup One e ter dicas com profissionais sobre os futuros projetos

Em 06 de abril, no Campus Paulista, os alunos da graduação FIAP ON tiveram um encontro não obrigatório para o lançamento do Startup One. O evento contou com a presença de tutores e de professores dos cursos, que compartilharam cases reais e ajudaram os estudantes a desenvolver as ideias já existentes.

O Startup One é uma competição entre os projetos finais dos cursos – ao invés do tradicional TCC, os alunos devem criar sua própria startup como trabalho de conclusão de curso. Os projetos de startup serão desenvolvidos pelos estudantes ao longo do ano e os 10 melhores de todos os cursos de graduação apresentarão pitches de 1 minuto para concorrer a um a bolsa integral em curso de empreendedorismo na Babson College (em Boston – EUA) – considerada uma das melhores do mundo na área.

Na aula presencial, os alunos receberam mentoria dos tutores onde tiveram a oportunidade de conversar sobre seus planos e quais caminhos a serem seguidos. Neste ano, os tutores são:  Leo Gmeiner, fundador do Filho sem fila; José Rubens, co fundador do Filho sem fila; Leonardo Militelli, diretor executivo e fundador da Ibliss; Paola Teles, gerente de negócios; Victor Ramos, fundador da VegPet, e Rafael Rossetti, CEO da Messier Games.

Karina Gonzaga, ganhadora do Startup One 2018 com o projeto Heero, compartilhou com os alunos sua experiência e como foi o caminho até a premiação. Ela desenvolveu uma Startup para otimizar o sistema nos condomínios, diminuindo os gastos e evitando corrupção. Mário Cabral, CEO da Engage, dividiu alguns cases reais que ele vivenciou com a construção de sua startup.

Para o professor Bruno Fazoli, o Startup One abre portas para os alunos. “Eles ganham visibilidade no mercado de trabalho, muitos CEOs e investidores avaliarão os projetos e podem surgir muitas oportunidades neste momento” ponderou.

Fazoli acredita que existe uma fórmula para um projeto vencedor e possui apenas três pontos: Propósito + Problema + Tecnologia. “Ter um propósito é um dos fatores mais importantes, é o que move tudo para resolverem os problemas principais da sociedade e unir tudo isso com a tecnologia e o produto que você vai ter, será um projeto vitorioso”, finaliza o professor.